Finalmente fecha-se o 1º ciclo: 1 mês de academia



Para falar a verdade esse mês não voou para mim. Senti que os dias passaram lentamente, mas cada dia valeu a pena ter vivido. Fecho esse primeiro ciclo animada e motivada para serguir em frente com meu desafio.

O pior já passou: as dores dos primeiros dias. Em nenhum momento cheguei a pensar a desistir, só deseja que o corpo acostumasse logo com a nova rotina que propus a mim. Também não sofri com a Reeducação Alimentar; às vezes sinto falta de certas coisas que comia todos os dias, mesmo consciente que aquilo mais fazia mal que bem a mim. Mas também quando a vontade era demais, comia um pouquinho só pra não passar vontade.
Também o que me deixou triste nesse 1º mês foram as oscilações da pressão arterial. Relatei aqui sobre ter falado com o Agnaldo (instrutor) sobre ser sedentária por anos e não sentir nada e ao viver uma vida saudável, passar mal. E conforme os dias foram passando eu vi que teria vários obstáculos a enfrentar até conseguir êxito na minha jornada, como certos “boicotes” de pessoas próximas. Mas isso é tema para outro post.
Eu fiz o caminho inverso do que é indicado a todos: atividade física em vez de me consultar no médico, o que é um erro. Podemos achar que não temos nada demais e depois acabar sendo surpreendido, como uma professora daqui de Campo Mourão que ao praticar atividade física na academia sofreu um infarto fulminante. Na semana passada fui à consulta com um ginecologista e nesse próximo mês farei uma bateria de exames, um verdadeiro check-up. No dia da consulta, a pressão arterial estava perfeita: 12 x 8. Ainda é cedo para dizer se estou ou não hipertensa, até sair os resultados dos exames tenho que aferir a pressão todas as semanas.


Encerro esse ciclo com muita disposição para os meses seguintes. Mentalizo todos os dias: sem pressa, sem neuras, tudo a seu tempo, um dia de cada vez. É lógico que eu gostaria que fosse eliminado tudo de uma vez, mas vou seguindo em frente e relatando aqui a minha jornada para vocês. Outra coisa a acrescentar nessa postagem é que estou fazendo parte de um grupo no facebook chamado 2012 Diferente, onde várias mulheres postam as suas vitórias em relação à RA e incentivam outras que entraram nessa jornada. Se você está acima do peso e precisando de um incentivo e de compartilhar com alguém, venha fazer parte desse grupo!


Nas fotos a seguir não dá pra notar muita diferença, mas minhas pernas estão mais torneadas (adoro!), minha coluna mais reta e as gordurinhas estão derretendo! / / /


Vejam a minha cara de desânimo há um mês. (121.800 Kg)


 Aqui mais animada! (118.100 Kg) / / /

Aguardem cenas dos próximos capítulos!!!! Até mais!!!!
Anúncios